Alunos do SENAI em Blumenau propõem soluções para a indústria

Acadêmicos dos cursos de graduação tecnológica farão imersão no Desafio Tecnológico, nesta sexta e sábado (2 e 3), como forma de fortalecer aprendizado
Imprimir
  • Nos semestres anteriores, os estudantes realizaram atividades similares
  • Nos semestres anteriores, os estudantes realizaram atividades similares

Florianópolis, 01.6.2017 – Estudantes de cursos de graduação da Faculdade SENAI em Blumenau dão início, nesta sexta e sábado (dias 2 e 3) ao Desafio Tecnológico, uma competição em que eles colocarão em prática conhecimentos adquiridos em aula. Nos dois dias, em equipes de quatro a cinco pessoas, esses estudantes vão propor projetos integradores, focados na solução de demandas reais de indústrias. Estão envolvidos acadêmicos dos cinco cursos superiores da instituição - análise e desenvolvimento de sistemas, automação industrial, design de moda, fabricação mecânica, redes de computador. Ao final do evento, serão selecionados os dois melhores projetos por curso, que serão desenvolvidos no próximo semestre.

O Projeto Integrador consiste em uma metodologia adotada por todas as Faculdades de Tecnologia SENAI/SC, visando promover a integração academia e indústria. “A iniciativa faz com que os estudantes desenvolvam estratégias de solução, a partir de demandas vindas da indústria. É uma forma de estimular o empreendedorismo, além da aplicação do conhecimento teórico”, afirma a professora Maria Aparecida de Souza, coordenadora da Faculdade, destacando que o modelo contribui para a formação das suas competências, habilidades e atitudes.

Eles buscar soluções para desafios reais das indústrias, que podem ser relacionados à produtividade, descarte de rejeitos ou o desenvolvimento de novos produtos ou mercado. Para isso, cinco indústrias (automação, metalmecânica, design de moda e tecnologia da informação) são parcerias do projeto.  Para o cumprimento e finalização desta etapa os estudantes deverão entregar uma pesquisa, um modelo de negócio, um protótipo e uma apresentação em forma de pitch, que são vídeos de até três minutos, nos quais os competidores “vendem” suas propostas. Os mesmos serão avaliados por uma banca com representantes das indústrias parceiras. O desafio terá 12 horas de duração, iniciando na sexta, das 19 às 22 horas, sendo concluído no sábado a partir das 9 horas. Às 18 horas, ocorre a apresentação para a banca.

Os estudantes estão na terceira fase de seus cursos, mas desde o início da formação eles vêm realizando tarefas relacionadas ao Desafio Tecnológico. No semestre passado, eles já desenvolveram atividades similares, cujas apresentações foram feitas em forma de pitch.

Educação Maker

O Desafio Tecnológico das Faculdades de Tecnologia do SENAI/SC integra um conjunto de iniciativas focadas no desenvolvimento de atividades práticas. Entre essas iniciativas constam o Desafio SENAI de Projetos Integradores (similar ao Desafio Tecnológico, mas voltado a cursos técnicos e de aprendizagem industrial), a Mostra Inova SENAI (com a exposição de projetos inovadores desenvolvidos por estudantes e professores) e SENAI Chalenge (no qual os alunos de cursos técnicos participam de desafios como a da construção de um kart elétrico, desenvolvido no ano passado).

O SESI/SC também adota o modelo, com o Espaço Maker, que já está instalado nas unidades de Blumenau, Joaçaba e Pinhalzinho, que serão entregues nos próximos dias. Esses ambientes contemplam laboratórios de comunicação, matemática, ciências e robótica, no qual alunos da educação básica, de sete a 18 anos, e da Educação de Jovens e Adultos, também desenvolvem atividades práticas, aplicando seus conhecimentos teóricos nessas quatro áreas.

 

Assessoria de Imprensa

Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina