Futuros profissionais refletem sobre os desafios da indústria

Jovens que participam e que visitam a Olimpíada do Conhecimento estão atentos às transformações do setor produtivo
Imprimir
  • Elizabeth está preparada para os desafios da construção civil. Foto: Elida Ruivo
  • Gabrielli e Sabrina estão preocupadas com a preservação ambiental. Foto: Ivonei Fazzioni
  • Airton quer continuar se qualificando para garantir seu lugar no mercado de trabalho. Foto: Ivonei Fazzioni

Confira a cobertura fotográfica completa no Flickr da FIESC.
 
Blumenau, 29.10.2015 – A decisão de qual carreira profissional seguir deixa muitos jovens aflitos e eles estão atentos às transformações que o setor produtivo vem sofrendo. A Olimpíada do Conhecimento, promovida pelo SENAI, entidade da FIESC, funciona como uma espécie de vitrine para que estes jovens observem como são as profissões industriais. No torneio, os competidores precisam executar tarefas comuns às ocupações, demonstrando conhecimentos, habilidades e atitudes. 

A jovem Elizabeth Lehmkuhl, de 19 anos, participa da Olimpíada na ocupação construção em alvenaria. Ela concluiu, no SENAI de Palhoça, o curso técnico em edificações e iniciou este ano a graduação em engenharia civil. “Aqui é preciso foco, conhecimento da área, disposição e planejamento para enfrentar as provas”, comenta a estudante. Moradora de Águas Mornas, na Grande Florianópolis, Elizabeth enxerga as transformações no segmento da construção civil como positivas, a começar pelo aumento do interesse das mulheres por esta área. Em 2007, apenas 13% dos trabalhadores deste setor eram mulheres, em 2014 o número saltou para 22%. “A evolução tecnológica e a disponibilidade de materiais com mais qualidade também contribuem para que o setor continue a evoluir”, avalia a futura engenheira.

A preocupação que os profissionais devem ter com a preservação ambiental atraiu a atenção de Gabrielli Fernanda Kussek e Sabrina de Souza, ambas de 16 anos e estudantes da Escola de Ensino Médio Deputado Nagib Zattar, do Jardim Paraíso, em Joinville. Na visita que fizeram à Olimpíada do Conhecimento na terça-feira (27), observaram o projeto exposto no Mundo SENAI, de purificação de água, com a utilização da casca de banana. Gabriela, que deseja realizar um curso técnico da área da moda na instituição observa que sempre mais os profissionais devem reutilizar os recursos da natureza. “Não dá para jogar fora, porque o ‘fora’ não existe. O planeta é esse e é único”, afirmou.

Sabrina que já é estudante do SENAI, onde faz o curso técnico de Fabricação Mecânica, constata que os profissionais da indústria precisam estar cotidianamente preocupados em ajudar as pessoas. Ela disse se empolgar com a ideia de desenvolver equipamentos que possam contribuir para geração de energia eólica.

Estudante do SENAI em Blumenau no Curso Técnico em Eletrônica e competidor em Eletricidade Predial (cujas provas ocorrem em São Bento do Sul), Airton Minatti Júnior afirma que a ampliação da oferta de cursos eleva a concorrência no mercado de trabalho. Para superar essa barreira, ele considera fundamental que os novos profissionais tenham capacidade de comunicação e mantenham–se permanentemente qualificados. “É preciso saber utilizar as novas tecnologias de comunicação e saber se expressar”, afirma. Aos 18 anos, Airton trabalha em uma empresa de manutenção de placas eletrônicas e é um exemplo de quem está preocupado com a qualificação contínua, pois além do curso técnico que frequenta hoje, ele já concluiu duas aprendizagens industriais, em eletrônica e em eletricidade predial.

Ao todo, 133 competidores disputaram o torneio. Além de buscar o ouro em Santa Catarina, eles estão de olho na classificação para as fases nacional e internacional e no mercado de trabalho na indústria. A Olimpíada do Conhecimento 2015 ocorre nas cidades de Joinville, São Bento do Sul, Blumenau e Jaraguá do Sul. 

Patrocinadores

A etapa estadual catarinense 2015 da Olimpíada do Conhecimento tem o patrocínio de Lectra, Mecatronix (Neoyama), Audaces, Komeco, Amanco, BWM, Minipa, Yuzhou, SCM Tecmatic, Altenburg, Bondmann, Romi, Parcus, Wifer, Deb’Maq, Adeptmec, Tractebel, Mastercam, Arcelor Mittal, Automatus, Mogk, Condor, Buddemeyer e Virtual Automação.

Serviço
Premiação da etapa estadual da Olimpíada do Conhecimento

Sexta-feira, dia 30, às 15 horas, no SENAI em Jaraguá do Sul com apresentação do Ciência em Show
Rua Isidoro Pedri, 263 - Rio Molha 

FIESC – Assessoria de Imprensa
Ivonei Fazzioni
48 3231-4673
48 8421-3600
ivonei@fiesc.com.br

Elida Hack Ruivo
48 3231 4244
48 9176 2505
elida.ruivo@fiesc.com.br