Estudantes de Lages vencem Desafios SENAI Challenge Robótica e Hóquei

Disputa realizada em Joinville reuniu estudantes da instituição em mecatrônica e automação de todo o Estado, que aplicaram seus conhecimentos na construção em robôs e mesas de air hóquei
Imprimir
  • Em uma das provas, robôs tinham que, autonomamente, superar obstáculos e transportar objetos. Foto: André Kopsche

Florianópolis, 25.11.2017 – Robôs e sistemas automatizados construídos por estudantes de cursos técnicos em mecatrônica e automação industrial do SENAI em todo o Estado participaram neste sábado (25) em Joinville, de disputas em robótica móvel e air-hoquei. As competições envolveram projetos que foram desenvolvidos ao longo do ano em aulas práticas e teóricas e em atividades extracurriculares. Ao final, considerando os resultados das disputas e os relatórios de atividades, equipes da unidade de Lages venceram as duas categorias e ocuparam mais dois lugares nos pódiuns, ao lado de Joinville e Florianópolis. Ao longo da tarde de sábado, milhares de visitantes do Garten Shopping acompanharam o evento.

Clique aqui para acessar a cobertura do fotográfica do evento.

Saiba também sobre o torneio FIRST LEGO League (FLL), promovido pelo SESI/SC

O primeiro vice-presidente da FIESC, Mario Cezar de Aguiar, ressaltou a importância da iniciativa para a consolidação do modelo educacional do SENAI, baseado na aplicação do conhecimento em atividades práticas. Para o diretor técnico do SENAI/SC, Maurício Cappra Pauletti, os desafios permitem que os conhecimentos sejam apreendidos pelos estudantes de maneira lúdica e mais facilmente.

Os estudantes de cursos técnicos em mecatrônica disputaram o SENAI Challenge Robótica Móvel, nas modalidades de cross (na qual os robôs tinham de superar diversos obstáculos colocados em uma pista) e sumô (uma luta em que os robôs deveriam colocar o oponente fora do tatame). Neste desafio, a equipe de Lages noturno ficou na primeira colocação, a de Joinville em segundo e a de Lages vespertino, em terceiro.

Por sua vez, alunos de cursos técnicos em automação industrial desenvolveram dispositivos para disputa de air hoquei, com o objetivo e assinalar mais gols que os adversários. A equipe de Lages vespertino ficou em primeiro lugar; a de Lages noturno, em segundo e a de Florianópolis, em terceiro.

Anderson Wolff de Matos, 22 anos, do curso de mecatrônica, integrante da equipe campeã em robótica, ressaltou que a competição não era o objetivo central. “Não estamos aqui competindo, mas estamos nos integrando com outros cursos, estamos vendo a evolução de outras turmas, aprendendo técnicas que eles desenvolveram e eles aprendendo técnicas que nós adotamos”. Conforme diz, após essa atividade, ele se sente mais preparado. “Tenho mais base, mais contato com outros setores da industria que não apenas o do nosso curso, que mostra que o mercado é mais competitivo. A gente fica mais maduro, não se limitando aos trabalhos em aula e em casa. A gente vem aqui, se conecta com outros cursos, de modo que todo mundo sai ganhando e aprendendo”

Mariana Martins Vieira, 17 anos, do curso técnico em automação industrial articulado com o Ensino Médio, do SENAI em Joinville, observa que apenas ela uma colega são do gênero feminino em uma turma de 36 estudantes. Mariana conta que a mãe trabalha com moda e o pai, com mecânica. “As pessoas se surpreendem com a minha escolha e perguntam por que não segui a área da mãe. Mas eu sei que estou dentro daquilo que eu gosto e fazendo aquilo que eu quero da minha vida. Acredito que o mundo está mudando bastante que estão querendo mais mulheres nesse ramo” afirma.

 

Assessoria de Imprensa

Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina